Novos:
Timo e suas emoções -- "Texto: Cristiane Rocha Há algum tempo venho me interessando pela enorme importância da ..." -- 05 Abril 2017
5 dicas para atrair CLIENTES -- "Texto: Yasmim Botelho A “lei da atração”, você já ouviu falar? Ela já existe há muitos ..." -- 24 Outubro 2017
7 passos para lançar um produto com sucesso -- "Para começar, é preciso ter em mente que nenhum produto se vende sozinho. Toda empresa, ..." -- 12 Janeiro 2016
A beleza além do tempo -- "Texto: Cristiane Rocha   A beleza está nos olhos de quem vê". Essa frase hoje pode soar ..." -- 06 Janeiro 2017
A complexidade da Barreira Cutânea: Um olhar diferenciado! -- "Texto: Nathalie Souza A epiderme é a camada mais superficial da pele, formada por 4/5 ..." -- 14 Janeiro 2016
A importância da avaliação na estética -- "Texto: Cristiane Rocha. Atualmente, ouço relatos de pessoas  que se submetem a diversos ..." -- 10 Junho 2016
A importância dos cuidados pré e pós operatório -- "O ultrassom atua no tratamento de afecções cutâneas como também na prevenção de ..." -- 23 Agosto 2017
A melhor tecnologia para seu Centro de Estética melhora sua imagem -- "Da mesma forma que é importante que seu negócio de estética esteja na vanguarda quando o ..." -- 12 Janeiro 2016
A Saga de um Melasma. -- "Texto: Bárbara Vieira. Quando falamos de hipercromias faciais, nada mais “assustador” ..." -- 16 Janeiro 2016
A sensibilidade dos melanócitos e as discromias -- "Texto: Nathalie Souza Os melanócitos são células presentes no nosso corpo, onde sua ..." -- 14 Janeiro 2016

Texto: Jefferson Assandre 

Não é de hoje que a vitamina C faz sucesso por onde passa! E também não é por menos. Cada detalhe deste nutriente possui propriedades ricas e infindas para diversas propostas na área da saúde e beleza da pele.

A matéria foi fundamentada para desbravarmos este elemento chave nos tratamentos estéticos que não pode faltar no arsenal terapêutico da cabine do esteticista, pautando principalmente seu uso promissor no envelhecimento.

 Acredito que a vitamina C é pouco explorada e pouco entendida, mas desperta a curiosidade de todos os profissionais e clientes só de ouvir em alguma novidade relacionada a ela.

E novidade não falta na cosmetologia! 

Mas vem cá! Por que entra ano e sai ano e sempre parecem novidades a respeito desta vitamina?!

Ela foi apelidada por mim, como a vitamina coringa da estética. E para termos uma noção melhor na hora de optar pela melhor, devemos entender a estrutura básica deste ativo e a forma como podemos melhor usufruir dos seus benefícios! 

Para facilitar o nosso estudo sobre a vitamina C, de forma sucinta, quero compartilhar os fundamentos e propriedades da mesma.

 

A vitamina C, conhecida também, como ácido ascórbico (AA), possui caráter hidrossolúvel (ou seja, se dissolve na água, por isso, partimos do pressuposto da melhor forma de ingeri - lá) e termolábil (reage a mudanças quando exposta a temperaturas extremas). E dentro dos principais estudos acerca da vitamina C, ela é incapaz de ser sintetizada pelo próprio organismo humano, sendo necessária a ingestão da mesma diariamente.

Conhecer este princípio básico do nutriente é essencial para entendermos seu mecanismo de ação fisiológico no corpo e também na pele!

 

 

Já ouviram falar de tantos benefícios do ácido ascórbico, e ao mesmo também, certa dificuldade em relação a sua administração e absorção?!

Certamente sim, pois estamos lidando com um ativo que apresenta um fator de oxidação facilitado, fazendo com que suas propriedades diminuem a medida que exposto a condições de mudanças de temperatura (termolábil).

Sabe aquele suco de laranja, acerola ou limonada guardado na geladeira por horas e horas? Acredite a quantidade inicial de vitamina não será mais a mesma!

E aproveitando para falar das frutas cítricas, devemos lembrar que a fama da laranja em relação à vitamina C está longe de ser verdade! 

Pois é, a fruta que apresenta o maior dose por mg/100g, é a acerola! Com aproximadamente 1677,5mg/100g da fruta. E sabe qual lugar a laranja ficou? Em décimo primeiro lugar, com 53,2mg/100g da fruta.

E advinha só qual sempre foi à grande luta da indústria de cosméticos na produção de uma vitamina C?

A estabilidade!

A mais de 50 anos a vitamina C vem sido estudada e reformulada pelas grandes indústrias de pesquisas no setor da cosmetologia, onde a principal busca é a estabilidade, absorção e efetividade no tecido.

E não foi nada fácil! 

Hoje temos grandes feitos através da associação da biotecnologia a favor do desenvolvimento de princípios ativos mais poderosos!

Você já indicou vitamina C a sua cliente?! Certamente, sim!

E sabia realmente o mecanismo de ação na terapêutica para reversão do envelhecimento?!

Infelizmente, acabamos não entendendo muito bem a ação da mesma no envelhecimento.

A literatura elucida muito bem a atuação da vitamina C na pele que participa como um co-fator da biossíntese da neocolanogênese. Isso envolve um mecanismo de sinergia durante a síntese biológica de colágeno pelo nosso organismo. 

O ácido ascórbico que é a forma ativa da vitamina C é capaz de estimular duas enzimas essenciais para a formação de colágeno, que são a lisil e a prolil hidroxilases. Estas por sua vez catalisam a hidroxilação dos resíduos prolil e lisil nos polipeptídeos colágenos, e essas modificações pós-translacionais permitem a formação e estabilização do colágeno de tripla hélice, e sua subseqüente secreção no espaço extracelular como procolágeno, este por fim transformado em tropocolágeno, e finalmente fibras colágenas são formadas por um rearranjo espacial espontâneo das moléculas tropocolágenas.

Uau!!! E não acabou!!! hehee

 “A vitamina C, como co-fator, previne a oxidação do ferro e, portanto, protege as enzimas contra a auto-inativação. Dessa forma, promove a síntese de uma trama colágena madura e normal por meio da perfeita manutenção da atividade das enzimas lisil e propil hidroxilases”. 

Nos fibroblastos dérmicos humanos, a vitamina C demonstrou ser um co-fator responsável por regular dois tipos de colágeno fundamentais na derme, colágeno tipo I e III. E mais intensamente no colágeno tipo I o que favorece a manutenção e maturação de uma nova fibra de colágeno.

Embora estudos demonstrem que a produção de novas fibras seja idade-dependente, o ácido ascórbico é capaz de estimular a proliferação celular, bem como a síntese de colágeno pelos fibroblastos dérmicos, independente da idade do individuo. 

 

E como se dá o mecanismo antioxidante?!

Interessante notar que a função antioxidante, não é à toa! O AA apresenta propriedade fotoprotetora, uma vez que, o próprio ácido L-ascórbico é capaz de diminuir o eritema desencadeado pela irradiação UVB, sendo incorporado em formulações de filtro solar.

Segundo Sant Anna e Russo, “o ácido ascórbico funciona como um antioxidante, in vitro, por eliminação das espécies reativas ao oxigênio e daquelas reativas ao nitrogênio (radicais livres), impedindo-as de atacar o colesterol LDL.”

E ainda conforme os autores “o ácido ascórbico doa elétrons para no mínimo oito enzimas humanas, três das quais participam da hidroxilação do colágeno, duas na biossíntese da carnitina e três na síntese de hormônios e aminoácidos.”

 

E quanto à melhor forma para utilização tópica?!

Outra grande dúvida, qual usar?!

Para Azulay et al, o próprio ácido ascórbico que desempenha melhor compatibilidade cutânea e segurança em sua estabilidade. Os ésteres possuem atividade de vitamina C tanto menor quanto maior for o número de radicais substituídos.

 Já o ascorbil 6-palmitato, por exemplo, embora penetre a pele, é ineficiente em sua conversão para o ácido L-ascórbico, a forma ativa da vitamina C.

 O ascorbil fosfato de magnésio não é capaz de atravessar o estrato córneo. Mesmo que sejam derivados efetivos da vitamina C para uso oral, não substituem o ácido L-ascórbico nas formulações tópicas.

Uma atualização dos últimos cinco anos vê diferentes formulações de ácido ascórbico ativado em modo nanotecnológico, onde através de partículas ou vesículas, como as lipossomas e ultraspheres, podemos aumentar a efetividade da ação do AA e promover uma melhor entrega-alvo deste ativo nas células especializadas (fibroblastos).

Outra informação que acaba deixando o profissional indeciso quanto a escolha assertiva, é a concentração.

Conforme os estudos in vivo e em in vitro, concentrações para uso tópico acima de 20% resultaram em diminuição dos níveis teciduais do AA na pele. Estudo realizado com a aplicação diária de ácido L-ascórbico a 15% formulado em pH 3.2.

Logo após três dias, atingiu nível 20 vezes maior de saturação no tecido do que o controle. Após a saturação do reservatório da pele, o ácido L-ascórbico manteve-se estável e presente no tecido com meia-vida de aproximadamente quatro dias.

Show!!!

 

Devemos buscar entender melhor as riquezas que temos em cabine e buscar sermos precisos no momento da compra para uso profissional! Dessa forma conseguimos obter melhor desempenho do principio ativo e favorecer o resultado final ao cliente.

 

Bem, se estender o assunto poderia ficar falando a respeito deste elemento coringa na estética até o próximo ano! Hahaha

Espero que tenham gostado,

Até a próxima,

Sucesso a todos,

Jefferson Assandre de Assis

 

Mais Vistos

10.11.2016

Câmara aprova

O Plenário aprovou nesta quinta-feira (10)

+ View

18.01.2016

NÃO !!! A gordura não

Texto: Ana Cláudia Segatto A gordura que temos

+ View

21.04.2016

Limpeza de Pele

 Por : Jefferson Assandre Indicação: peles com

+ View

14.01.2016

PROTOCOLO limpeza de

   1. Aplicar Sabonete Líquido com propriedades

+ View

12.01.2016

Peeling Químico

Realizados com ativos em baixas concentrações, os

+ View

22.01.2016

Criolipólise: O que

Texto: Nathalie Souza. A criolipólise é uma

+ View

Most Popular

A Saga de um Melasma.

Texto: Bárbara Vieira. Quando falamos de ...

+ View

A sensibilidade dos ...

Texto: Nathalie Souza Os melanócitos são células ...

+ View

A sinergia entre ...

Texto: Cristiane Rocha. Alguns fatores como ...

+ View

CURSO

Concept: Whats: (71) 99920 4005 Telefone fixo:(71) 3051-1317

Gestão & Marketing

5 dicas para atrair ...

Texto: Yasmim Botelho A “lei da atração”, você ...

Você sabe e está ...

Texto: Yasmim Botelho  Você já se viu fazendo ...

Kit Portal Esteticistas

CONFIRA O CONTEÚDO DO KIT: Um E-book da autora ...

Como a tecnologia ajuda ...

  Todos nós sabemos que a tecnologia pode e ...

  • Prev
  • Colunistas
Template Settings
Select color sample for all parameters
Red Green Olive Sienna Teal Dark_blue
Background Color
Text Color
Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction
Scroll to top